Contexto

A União Europeia estima um aumento da população idosa para cerca de 149,2 milhões em 2050, representando 28,5% da população total. Este notável aumento da esperança de vida deve ser acompanhado por políticas e iniciativas europeias que assegurem a qualidade de vida destes cidadãos.

Recentemente, a Organização Mundial da Saúde (OMS) publicou o plano para a Década de Envelhecimento Saudável 2021-2030, onde os cuidadores, incluindo jovens e membros da família, desempenham um papel fundamental como educadores para promover o envelhecimento saudável para as gerações atuais e futuras, bem como a solidariedade intergeracional. Por este motivo, é necessário adotar uma abordagem inovadora, baseada, na transição digital para capacitar os cuidadores, de forma a auxiliar os idosos a compreender a necessidade de seguir as diretrizes do Envelhecimento Saudável.

Embora várias estratégias europeias e nacionais tenham sido disponibilizadas, a maioria dos programas de formação de cuidadores ainda carece da prontidão digital e da capacidade para integrar conteúdos digitais relevantes sobre o envelhecimento saudável e ferramentas nas suas atividades diárias.

Objetivo

Este projeto pretende melhorar as competências dos cuidadores que apoiam idosos rumo à implementação de estratégias de Envelhecimento Saudável com base na transição digital da sua formação e do seu trabalho quotidiano. Nesse sentido, serão desenvolvidos conteúdos de elevada qualidade e ferramentas com base nas políticas e recomendações mundiais (Atenção Integrada para os Idosos, ICOPE). O contexto nacional e regional será também considerado com o objetivo de aumentar a adesão e motivação dos cuidadores.

O projeto EducAGE irá implementar um conjunto de materiais e ferramentas TIC que podem ser facilmente utilizados para melhorar as competências dos cuidadores para promover o Envelhecimento Saudável.

Consórcio

O consórcio EducAGE (IPG, CCMIJU, MORE, CUNI, UHK e SE-DSRT) conta com uma distinta experiência em projetos de investigação, serviços e redes relacionados com as áreas chave do projeto, como envelhecimento saudável, soluções TIC para formação e implementação prática de programas para idosos. Cada uma das seis instituições tem uma característica intrínseca que reforça positivamente o vínculo com a população idosa e a aplicação em saúde das soluções de TIC, o que levará ao sucesso da consecução dos objetivos do projeto.

O Instituto Politécnico da Guarda (IPG) é uma instituição de ensino superior vocacionada para a formação de estudantes, atividades de investigação, serviços à comunidade e intercâmbio cultural, científico e técnico. Está a formar alunos em diversas áreas, que vão da tecnologia ao turismo, educação, desporto e áreas da saúde, como técnicos de enfermagem e gerontologia. O IPG assumiu também um papel central na investigação nacional do envelhecimento e será a sede (na Região Centro) do Observatório Nacional do Envelhecimento, destinado a estudar o acentuado processo de envelhecimento populacional em Portugal. Também faz parte do AgeINfuture, um Centro de Referência para o Envelhecimento Ativo e Saudável e tem como objetivo identificar, implementar e monitorizar práticas de saúde para promover soluções inovadoras e desenvolvimento económico associado ao envelhecimento. O IPG tem desenvolvido vários projetos para melhorar a qualidade de vida dos idosos e promover o envelhecimento saudável.

A Fundación Centro de Cirugía de Mínima Invasión Jesús Usón (CCMIJU) é uma instituição multidisciplinar dedicada à excelência em pesquisa e formação em técnicas cirúrgicas minimamente invasivas: Bioengenharia e Tecnologias da Saúde, Laparoscopia, Endoscopia, Microcirurgia, Terapia e Diagnóstico Endoluminal, Anestesiologia, Farmacologia, Terapia com Células-Tronco e Reprodução Assistida. O CCMIJU tem experiência em duas áreas relevantes deste projeto. Em primeiro lugar, o CCMIJU tem uma vasta experiência na formação de profissionais de saúde e cirurgiões, desenvolvendo novos materiais de formação e ferramentas de aprendizagem inovadoras, como aplicações móveis. Em segundo lugar, o CCMIJU trabalhou em dois projetos para promover o envelhecimento ativo através do desenho de novas ferramentas e sistemas para permitir a formação física e cognitiva dos idosos.

O Laboratório Colaborativo Montanhas de Investigação – MORE CoLAB é uma associação privada sem fins lucrativos, cujos membros incluem unidades de investigação, laboratórios associados e instituições de ensino superior, centros tecnológicos e PME’s. Destina-se a implementar agendas de investigação e inovação nas zonas de montanha orientadas para a criação de valor económico e social.

A Charles University é a maior e mais antiga universidade da República Checa; tem aproximadamente quarenta e nove mil alunos, 17 faculdades e 164 programas de ensino. A Faculdade de Medicina de Hradec Kralóvé tem uma longa experiência no ensino de estudantes e palestras para médicos. O hospital da Faculdade (interconectado com a Faculdade) é um dos maiores hospitais da República Checa, fornece cuidados de saúde de alta qualidade para cerca de meio milhão de utentes e 42.000 hospitalizados. A Faculdade, juntamente com o Hospital da Faculdade, tem uma das maiores concentrações de pesquisa em biomedicina na República Checa. A investigação centra-se nas doenças  crónicas não transmissíveis (sendo o foco dedicado às doenças dos sistemas cardiovascular e metabólico, entre outras), bem como nos aspetos do envelhecimento da população, incluindo estudos de regeneração e nutrição, oncologia e hemato-oncologia, medicina personalizada e novos procedimentos de diagnóstico.

A Universidade de Hradec Králové (UHK) foi fundada em 1959 e tem o seu nome atual desde 2000. Atualmente, a Alma Mater de quase 6500 alunos, a UHK oferece ensino superior de alta qualidade dentro de um amplo desígnio de estudos que abrangem Ciências Sociais, Humanidades, Estudos Educacionais, Ciências Naturais e Estudos de Tecnologia da Informação. A missão da UHK diz respeito a três tarefas essenciais: proporcionar oportunidades para o desenvolvimento das habilidades de todos os candidatos interessados; possibilitar esse desenvolvimento através da oferta de programas educacionais de alta qualidade e contribuir para a competitividade da região, bem como para a qualidade de vida de seus cidadãos. A UHK tem atualmente 519 funcionários académicos no total, enquanto 215 são mulheres (académicos e investigadores).

A Universidade Semmelweis (SE-DSRT) é a principal instituição de ensino superior no campo da medicina e ciências da saúde na Hungria e na região da Europa Central. As suas principais atividades – ensino, investigação, cura e inovação – fazem da universidade de mais de 250 anos um centro de excelência reconhecido internacionalmente. Como universidade especializada, ocupa um lugar único no país. O seu papel de destaque educacional é demonstrado com seis faculdades e três idiomas (húngaro, inglês e alemão), cerca de um terço dos mais de 12.000 alunos são estrangeiros, que vêm de 97 países dos cinco continentes para estudar aqui. A Universidade é também a maior instituição de saúde do país. As clínicas universitárias são locais de formação prática, mas também atuam ao mais alto nível de progressividade. A Semmelweis também tem um forte foco em investigação, desenvolvimento e inovação, com investigação focada na manutenção da saúde, prevenção de doenças, diagnóstico precoce e tratamento eficaz de doenças estabelecidas e envelhecimento saudável e ativo. Cerca de 300 grupos de pesquisa universitária estão ativos, apoiados por 46 bolsas internacionais e 263 nacionais.

Equipa

Carolina Vila-Chã

IPG

Raquel Brito

IPG

Joaquín González

CCMIJU

Estefânia Gonçalves

MORE CoLAB

Rui Pilão

MORE CoLAB

Božena Jurašková

CUNI

Laszlo Kostyal

Semmelweis

Ana Lopes

IPG

Rosa Tracana

IPG

Luisa Sánchez

CCMIJU

Higor Rosse

MORE CoLAB

Tereza Otcenaskova

UHK

Vladimír Blaha

CUNI

Zsuzsa Széman

Semmelweis

António Bovolini

IPG

Blas Pagador

CCMIJU

María Pérez

CCMIJU

Luiz Torres

MORE CoLAB

Marek Zanker

UHK

Zdeněk Bures

CUNI

Diogo Chouzal

IPG

Juan Francisco Ortega

CCMIJU

José Barbosa

MORE CoLAB

Nuno Carvalho

MORE CoLAB

Vladimir Bures

UHK

Krisztina Juhos

Semmelweis

Ermelinda Marques

IPG

Francisco M. Sánchez

CCMIJU

Diana Almeida

MORE CoLAB

Patrícia Cordeiro

MORE CoLAB

Eva Macourková

CUNI

Andrea Ferencz

Semmelweis

Logotipo EducAGE - Preto e Branco

Logotipo EducAGE

Guia de Identidade Gráfica